Quarta-feira, 08.02.12

Se a Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa vier a decidir não aplicar o acordo ortográfico, é o fim do documento de 1990, por muito que outras universidades afirmem que o português não é uma língua morta. Pois não, mas não apareceu ontem às três da tarde para perder a memória ortográfica segundo o gosto pessoal de cada um, e contra os principais especialistas. Quem redigiu o AO90 (esta sigla maravilhosa lembra casos como H1N1, que como toda a gente sabe é normal em português) nem pode merecer a nossa simpatia, quanto mais o nosso respeito científico.

Quem não concorda, pode fazer como Graça Moura: e, quando percebermos que os intelectuais contra são mais do que os que são a favor, seremos menos piegas e mais exigentes.



publicado por Ricardo Nobre às 07:17 | referência | comentar

Terça-feira, 07.02.12

O eurodeputado Rui Tavares respondeu ontem na sua coluna do Público à decisão de Vasco Graça Moura à chegada ao CCB: recuperar a grafia de 1945. Para tal, o Sr. Tavares usou uma grafia diferente (acho que a ideia era mostrar as consoantes mudas que Gonçalves Viana já tinha eliminado em 1911, mas a ortografia inclui pontuação e acentuação e o resultado foi «extranho»). Podemos imaginar agora a resposta de Graça Moura: «Karu Rui Tavares, naum saija idiota».



publicado por Ricardo Nobre às 07:49 | referência | comentar

Sexta-feira, 29.01.10

A partir da próxima meia-noite, a agência  portuguesa de notícias passa a difundir a sua informação redigida nas novas regras ortográficas. Quase apetece dizer que a Agência Lusa mal dominava o código linguístico antigo, por isso vou esperar diversas traições à grafia segundo o Acordo Ortográfico de 1990.



publicado por Ricardo Nobre às 07:17 | referência | comentar | ler comentários (1)

Quinta-feira, 17.12.09

A ministra da Educação anunciou que ainda não é no próximo ano lectivo que o acordo ortográfico começará a ser aplicado nas escolas. Mais uma vez se recorda neste blogue que os dicionários "conforme acordo ortográfico" não servem o ensino, e que só em Janeiro o Diário da República começará a usar a nova grafia.



publicado por Ricardo Nobre às 07:16 | referência | comentar

Quinta-feira, 03.09.09

Tornando-se o quinto país da Comunidade de Países de Língua Portuguesa a fazê-lo, depois do Brasil, Portugal, Cabo Verde e São Tomé e Príncipe.



publicado por Ricardo Nobre às 15:02 | referência | comentar

Sábado, 01.08.09

Começa a ouvir-se falar no regresso às aulas, e por isso há um aviso que tem de ser dado aos encarregados de educação, uma vez que a oferta das nossas editoras de dicionários de harmonia com o novo acordo ortográfico começa a aumentar: o Acordo Ortográfico de 1990 não está em vigor em Portugal nem se prevê que seja implementado este ano lectivo. Por isso, deve evitar-se comprar dicionários ou outros livros que estejam redigidos na nova ortografia.

Até agora, nem o Ministério da Educação nem o Ministério da Cultura apontaram qualquer data definitiva para a entrada em vigor das novas regras ortográficas, pelo que professores e alunos não as devem usar.



publicado por Ricardo Nobre às 18:26 | referência | comentar

Terça-feira, 30.06.09

O Acordo Ortográfico de 1990 está em vigor no Brasil há seis meses. Aquele país pede a Portugal que ponha em vigor a nova ortografia o quanto antes.



publicado por Ricardo Nobre às 21:32 | referência | comentar

Quarta-feira, 10.06.09

Texto de Sérgio Barreto Motta no Diário de Notícias:

Jornalistas, escritores, filósofos e mesmo comediantes brasileiros começam a atacar publicamente um acordo que pode não prevalecer.

São cada vez mais as vozes que se levantam contra o acordo ortográfico. Não só em Portugal, como também noutros países que falam a língua de Camões. No Brasil, por exemplo, os principais opositores do acordo citam o Manifesto em Defesa da Língua Portuguesa, Contra o Acordo Ortográfico, promovido por Vasco Graça Moura, que já conta com mais de 115 mil assinaturas. Há dias, a petição esteve na base de um artigo publicado no jornal O Globo, com o título "Portugal Reage".

Quem também ataca o acordo é o jornalista e escritor Carlos Heitor Cony, membro da Academia Brasileira de Letras. "No tempo do Getúlio (Brasil) e de Salazar (Portugal) foram feitos acordos que não prevaleceram, porque, na realidade, quem faz a língua não são as academias, nem os governos. Quem faz a língua é o povo," afirma. "Os portugueses jamais vão deixar de chamar o trem de 'comboio', não adianta. Em Portugal, 'facto' é 'fato', e 'fato' é 'roupa'. Também temos nossas particularidades e jamais vamos chegar a um acordo".

Por outro lado, humoristas como José Simão inspiram-se agora no acordo. "Vão mudar a língua logo agora que o Lula estava aprendendo a falar pelo sistema antigo", referia há dias Simão.

Para Desidério Murcho, da Universidade Federal de Ouro Preto, "as pretensas vantagens do acordo são como as vantagens de ter gnomos de barro no jardim: são decorativos, mas não fazem a poda por nós". Até porque, refere, "não há qualquer impedimento ortográfico à presença dos livros portugueses no Brasil, por exemplo. Na verdade, na biblioteca de filosofia da minha universidade encontram-se imensos livros portugueses e nem os meus colegas nem os meus estudantes se queixam da ortografia. Mas todos se queixam de ser muito difícil comprar livros portugueses".

Por fim, o jornalista José Carlos Tedesco lembra que, "entre os quase 200 milhões de brasileiros, muitos não conseguem sequer cumprir as regras antigas e, portanto, terão grande dificuldade — ou irão mesmo ignorar — as novidades".

 



publicado por Ricardo Nobre às 07:12 | referência | comentar | ler comentários (1)

Quinta-feira, 14.05.09

A Assembleia da República debate a petição contra a entrada em vigor do Acordo Ortográfico de 1990 na próxima quarta-feira, diz a Lusa, citada pelo Público.



publicado por Ricardo Nobre às 21:35 | referência | comentar

Domingo, 03.05.09

Já está à venda na Feira do Livro o Dicionário Editora da Língua Portuguesa 2010, da Porto Editora. Tal como a versão 2009, este dicionário respeita o Acordo Ortográfico de 1990, fazendo a ponte entre a grafia actual e a que irá vigorar oficialmente (por exemplo, director remete para diretor).

Ao mesmo tempo que publicou este dicionário, a Porto Editora coloca no mercado alguns dos seus dicionários bilíngues (francês e espanhol) já redigidos de harmonia com a grafia de 1990.



publicado por Ricardo Nobre às 18:15 | referência | comentar

Quinta-feira, 30.04.09

Para a entrada em vigor do Acordo Ortográfico de 1990, é necessária a elaboração de um Vocabulário da Língua Portuguesa que uniformize o léxico comum e científico nos países em que o português é a língua oficial. O ministro da cultura disse hoje na Feira do Livro de Lisboa que essa ferramenta tem de ser disponibilizada com brevidade e que não tem de ser a Academia das Ciências a prepará-lo.



publicado por Ricardo Nobre às 21:05 | referência | comentar

Domingo, 26.04.09

Já foi apontado um dia; já houve professores que, esquecendo-se do período de transição de seis anos, pediram aos alunos que os trabalhos a entregar fossem redigidos com as novas regras ortográficas, anunciando erro a grafia actual. Todos os dias são dias de discussão sobre o Acordo Ortográfico de 1990 (dia da poesia, do livro, da liberdade), a toda a hora vemos guias e livros que ensinam as novas normas (nada contra: as pessoas têm acesso ao texto do acordo aqui, não precisam comprar versões resumidas), e todos os dias há alguém que fala no assunto. O ministro da cultura disse hoje que o acordo entra em vigor seguramente ainda este ano (notícia da Lusa, citada pelo Público e pelo Jornal de Notícias).



publicado por Ricardo Nobre às 16:55 | referência | comentar | ler comentários (1)

RÁDIO
TSF — Rádio Notícias (emissão directo)
BBC Radio 4 (emissão directo)
BBC World Service (emissão directo)
BBC Radio 3 (emissão directo)
BBC Radio 5 Live (emissão directo)
LIGAÇÕES DE REFERÊNCIA
Informação Geral
BBC News
The Guardian
Público
Times
Diário de Notícias


Cultura
The TLS
BBC | Entertainment & Arts
The Guardian | Culture
Telegraph | Culture
New York Times | Arts
DN | Artes
Ípsilon
El Mundo | Cultura
El País | Cultura
Público | Culturas
Le Monde| Culture

LITERATURA
Bibliotecas
Biblioteca Nacional de Portugal (Porbase)
The British Library
Library of Congress
Bibliothèque nationale de France (Opale)
Biblioteca Nacional de España
National Library of Scotland
Biblioteca da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (SIBUL)
Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra
University of Cambridge Library (Newton)
Oxford University Libraries (SOLO)
Harvard Libraries (HOLLIS)


Editoras
Cambridge University Press: Catálogo de Literatura; Catálogo de Estudos Clássicos
Oxford University Press: Catálogo de Literatura; Catálogo de Estudos Clássicos; More than Words (Oxford World’s Classics)
Routledge: Catálogo de Literatura; Catálogo de Estudos Clássicos
Penguin Books


Revista CLASSICA — Boletim de Pedagogia e Cultura

LÍNGUA PORTUGUESA
Vírgulas
Sujeito e Predicado

Vocativo

Oração Causal

Oração Concessiva

Oração Condicional

Oração Conformativa

Oração Final

Oração Proporcional

Oração Temporal


Uso do apóstrofo


Vocabulário estudado
à
Alcaida
contracto
contrato
de
de mais
demais
grama
majestoso
para
presidenta
sedear
sediar
se não
senão
seriação


Livro de Estilo

Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa (1945)
Código de Redacção Interinstitucional
Dicionário da Língua Portuguesa (Priberam)
Dicionário da Língua Portuguesa (Porto Editora)
LX Conjugator (conjugação verbal)
MorDeb
Corpus do Português Europeu
Corpus do Português
Corpus Lexicográfico do Português
CETEMPúblico
Corpus Rede de Difusão Internacional do Português
Transliteração do Alfabeto Grego
Associação de Informação Terminológica
Acordo Ortográfico de 1990
Norma Portuguesa de Metrologia

APONTADORES
Bandeira ao Vento
Blogtailors: o blog da edição
Cadê o Revisor?
Detective Cantor
Lóbi do Chá
Memento…
Pesporrente
Português em Dia
Rascunho.net
Relógio D'Água Editores
A Senhora Sócrates
O Vermelho e o Negro
ARTIGOS RECENTES

Acordo na Faculdade de Le...

Acordo Ortográfico no CCB

Agência Lusa segue acordo

Acordo Ortográfico não va...

Timor ratificou Acordo Or...

Regresso às aulas

Brasil satisfeito com Aco...

Brasil também critica o A...

Suspensão do Acordo Ortog...

Dicionário da Língua Port...

Ministro quer vocabulário

Ainda sobre a entrada em ...

TOMBO

Março 2012

Fevereiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

SUBSCREVER FEEDS