Domingo, 6 de Novembro de 2011
O estudo encomendado pelo governo para diminuir os custos operativos dos transportes colectivos da região de Lisboa prevê o fim de várias carreiras de autocarro, uma de eléctrico (o 18), o meio de transporte típico que os turistas mais procuram em Lisboa.

O ministro já disse que apenas há propostas, e que nada está decidido. Toda a gente sabe que o estudo não foi feito por nenhum especialista em transportes, nenhum dos envolvidos escreveu um artigo de jornal sobre transportes públicos, muito menos artigos científicos. Sim, estas coisas estudam-se em moldes sérios e criticamente sustentados.

Os nomes das autoridades do estudo são os nomes de pessoas que tinham como missão reduzir despesas. E o estudo prova que o estado encomenda estudos sabendo à partida o que quer que eles concluam.

Quando se ouve um responsável do governo dizer que é preciso acabar com sobreposições entre a rede do metro e da Carris, podemos concluir, sem dúvidas, que essa pessoa não só nunca andou de transportes, como nunca pensou criticamente sobre o assunto.

Entre estações de metro pode haver várias paragens de autocarro. Há dezenas de estações de metro que não têm acesso facilitado, não só a deficientes, como a pessoas com outras dificuldades de locomoção. Já se disse neste blogue (http://livrodeestilo.blogs.sapo.pt/272213.html) que a estação de metro da Cidade Universitária serve o Hospital de Santa Maria, o maior do país, mas tem uma única escada rolante que apenas sobe, mas não desde o comboio até à rua. Não há elevadores.

Além de vedar o acesso universal aos transportes públicos, o governo quer também que quem paga passes e bilhetes cada vez mais caros ande mais a pé. Uma vista de olhos pelas carreiras que se prevê venham a encerrar estão algumas que não têm problemas de lotação.

Estão nesta lista carreiras cujo número começa por 7, ou seja, fazem parte da Rede Sete. Parece-me que esta é uma imensa fraude e que a Carris andou a mentir aos seus utentes... Estamos perante uma empresa ignorante, a que faltam estudos sérios e críticos. O objectivo da Rede Sete afinal foi reformular percursos, alguns deles tão mal estudados que mudaram diversas vezes. O 16 ia para a Praça do Chile. Passando a ser 716, começa a ir apenas para S. Sebastião. Não por muito tempo... Actualmente avança até ao Arco do Cego.

Porque não se reduzem os custos da empresa com um corte severo nas chefias da empresa, não só na quantidade de assalariados milionários, como na sua quantidade? Com a publicidade instalada nos autocarros, com o preço dos passes e bilhetes, com o dinheiro dos contribuintes, o que está a mais na Carris é o salário dos dirigentes.

O mesmo para a CP. Só quem nunca andou de comboio pode aceitar que uma empresa destas dê despesa. Como é que a quantidade de passageiros, suburbanos e de longo curso, não pagam todas as despesas operacionais da empresa naquelas linhas deficitárias? Porque é que em vez de automotoras velhas e dispendiosas não estão a circular veículos modernos, ecológicos, rápidos e que sejam, de facto, alternativas às rodovias? Não sei. Faltam estudos.



publicado por Ricardo Nobre às 15:30 | referência | comentar

RÁDIO
TSF — Rádio Notícias (emissão directo)
BBC Radio 4 (emissão directo)
BBC World Service (emissão directo)
BBC Radio 3 (emissão directo)
BBC Radio 5 Live (emissão directo)
LIGAÇÕES DE REFERÊNCIA
Informação Geral
BBC News
The Guardian
Público
Times
Diário de Notícias


Cultura
The TLS
BBC | Entertainment & Arts
The Guardian | Culture
Telegraph | Culture
New York Times | Arts
DN | Artes
Ípsilon
El Mundo | Cultura
El País | Cultura
Público | Culturas
Le Monde| Culture

LITERATURA
Bibliotecas
Biblioteca Nacional de Portugal (Porbase)
The British Library
Library of Congress
Bibliothèque nationale de France (Opale)
Biblioteca Nacional de España
National Library of Scotland
Biblioteca da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (SIBUL)
Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra
University of Cambridge Library (Newton)
Oxford University Libraries (SOLO)
Harvard Libraries (HOLLIS)


Editoras
Cambridge University Press: Catálogo de Literatura; Catálogo de Estudos Clássicos
Oxford University Press: Catálogo de Literatura; Catálogo de Estudos Clássicos; More than Words (Oxford World’s Classics)
Routledge: Catálogo de Literatura; Catálogo de Estudos Clássicos
Penguin Books


Revista CLASSICA — Boletim de Pedagogia e Cultura

LÍNGUA PORTUGUESA
Vírgulas
Sujeito e Predicado

Vocativo

Oração Causal

Oração Concessiva

Oração Condicional

Oração Conformativa

Oração Final

Oração Proporcional

Oração Temporal


Uso do apóstrofo


Vocabulário estudado
à
Alcaida
contracto
contrato
de
de mais
demais
grama
majestoso
para
presidenta
sedear
sediar
se não
senão
seriação


Livro de Estilo

Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa (1945)
Código de Redacção Interinstitucional
Dicionário da Língua Portuguesa (Priberam)
Dicionário da Língua Portuguesa (Porto Editora)
LX Conjugator (conjugação verbal)
MorDeb
Corpus do Português Europeu
Corpus do Português
Corpus Lexicográfico do Português
CETEMPúblico
Corpus Rede de Difusão Internacional do Português
Transliteração do Alfabeto Grego
Associação de Informação Terminológica
Acordo Ortográfico de 1990
Norma Portuguesa de Metrologia

APONTADORES
Bandeira ao Vento
Blogtailors: o blog da edição
Cadê o Revisor?
Detective Cantor
Lóbi do Chá
Memento…
Pesporrente
Português em Dia
Rascunho.net
Relógio D'Água Editores
A Senhora Sócrates
O Vermelho e o Negro
ARTIGOS RECENTES

PÚBLICO Menos

Novo PÚBLICO

Acordo na Faculdade de Le...

Acordo Ortográfico no CCB

Onde o latim acaba e o in...

Balanço de um colóquio

Diogo Infante deixa o D. ...

Memória curta

Também quero o subsídio e...

Governo de salvação nacio...

Quando os escritores não ...

Golpe de estado militar

TOMBO

Março 2012

Fevereiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

SUBSCREVER FEEDS